Seminários Internos

2021

11 de novembro 

Texto para discussão: Felipe Loureiro. What’s the Role of Conspiracy Theories in the Foreign Policy of the Far Right? The Case of Brazil’s Jair Bolsonaro 

14 de outubro  

Texto para discussão: Alessandra Castilho. Cold Warriors do Itamaraty (1947-1964) 

16 de setembro  

Texto para discussão:Kelly Oliveira  A assembleia Provincial de Minas e o tráfico ilegal de escravizados (1839-1845)

19 de agosto  

Texto para discussão:

24 de junho  

Texto para discussão:

27 de Maio  

Texto para discussão 

29  de junho  

Texto para discussão:

1 de abril   

Texto para discussão:

4 de março  

Texto para discussão:

4 de fevereiro  

Texto para discussão:

2020

10 de dezembro

Encontro final de 2020

19 de novembro

Texto para discussão: Esteve Morera. Gramsci's Historicism: a realist interpretation. 1990.

​​​​​​​

29 de outubro

Texto para discussão: Esteve Morera. Gramsci's Historicism: a realist interpretation. 1990.

 

08 de outubro

Texto para discussão: Luah Tomas. Prejudice, Marriage and Motherhood: national and international perceptions on the 1938 prohibition of women in Brazilian Foreign Service.

​​​​​​​

17 de setembro

Texto para discussão: Lucía Rodrigues Arrillaga. El Tiempo en el Espacio: la cartografía de las partidas demarcadoras del límite del Rio de la Prata como "horizontes de expectativa" (1777-1801).

27 de agosto

Texto para discussão: Alberto Camargo Portella. O arroz colonial no reformismo ilustrado português. 1750-1808.

06 de agosto

Texto para discussão: Fernando Damasceno. Encontro Sindical Nossa América (ESNA): UM ESTUDO SOBRE REGIONALISMO e a ação transnacional de atores não estatais.

18 de junho

Textos para discussão: Marcelo Ferraro. Constitucionalismo, Codificação e Silêncios: A Refundação do Direito Escravista, Brasil e Estados Unidos ( 1776 - c. 1835).

04 de junho

Textos para discussão: Relatório de qualificação de Pedro Medeiros, "A Segunda Grande Guerra e o Brasil".

Essas reuniões serão por Google Meets.

28 de maio

Texto para leitura.

A Tale of Two Coffee Colonies: Environment, Slavery, and Anti-Slavery in Suriname and Saint-Domingue, c.1750-1790”
Rafael Marquese, Lab Mundi, USP

Commentators:
Samantha Payne, WIGH
Pepijn Brandon, IISH

12 de março

Textos para discussão: Waldomiro Lourenço da Silva Júnior. No Limiar da Escravidão: uma mirada global sobre os debates em torno de COARTADOS em Cuba e STATULIBERI no Brasil (1857). Leonardo Marques e Waldomiro Lourenço da Silva Júnior. Migrações Senhoriais no Longo ´século XIX: comparações, conexões e integrações. (2019).

13 de fevereiro

Texto para discussão: Past and Present (2019), Supplement 14. (Ghobrial, De Vries, Levi.)
Instituto de Relações Internacionais - IRI

2019

karl POLANYI. A Grande Transformação: as origens de nossa época.

Frederik SCHULZE (Universitat Munster) e Georg FISCHER (Aarhus Universitet). A história do Brasil como história global.

Debate com os Professores Rafael Marquese, João Paulo Pimenta, Felipe Loureiro e Alexandre Moreli (Universidade de São Paulo).

Sala da Congregação do Instituto de Relações Internacionais da USP. (14h)

Jean-Paul Sartre. (1960). Questão de Método. São Paulo, Abril Cultural. (Coleção Os Pensadores)

Luis Geraldo Silva (DEHIS-UFPR/CNPq) e Priscila de Lima Souza (DEHIS-UFPR). Escravos marinheiros, senhores e locadores. Leis pombalinas, faina marítima e perspectiva atlântica (1761-1810).

Horário: 10h00. Sala Edgar Carone- DH-USP

MORELI, Alexandre. “Un champ et une querelle. Renouvin, les Annales et la création des diplômes d’histoire au Brésil, années 1930-1950”, 13 páginas (texto em desenvolvimento).

SOREL, Albert. Histoire diplomatique de la guerre franco-allemande. Paris, Typographie de E. Plon et Cie, Imprimeurs-Éditeurs, 1875, p. I-XI e 34-42.

RENOUVIN, Pierre. “La publication des documents diplomatiques français (1871-1914)”, Revue Historique, tome 166, 1931, p. 266-273.

RENOUVIN, Pierre. “Introduction”, RENOUVIN, Pierre. Histoire des Relations Internationales. Tomo I, Paris, Librairie Hachette, 1994 (1953), 7-13.

FRANK, Robert. Pour l’histoire des relations internationales. Paris, PUF, 2012, p. 5-40.

MATTHIAS VAN ROSSUM. CONNECTING GLOBAL SLAVERY AND LOCAL BONDAGE - RETHINKING SLAVERY IN THE DUTCH INDIAN OCEAN AND INDONESIAN ARCHIPELAGO WORLDS.

Marc BLOCH, Apologia da História. Vínculo para descarregar o livro.

Local: Instituto de Relações Internacionais, Sala da Congregação.

http://lib1.org/_ads/66FE6A090BED0903662DAA639EF8F80A

NÚCLEO DE PESQUISA CAPITAL, ESTADO E TRABALHO.

Edward Rudeger, Slave Law and the politics of resistance in the Early Atlantic World.

Alain Supiou, Homo Jurídicus.

Waldomiro Lourenço da Silva Junior. No Limiar da Escravidão: uma mirada global sobre os debates em torno de coartados em Cuba (1856) e statuliberi no Brasil (1857).

2018

LABORATÓRIO DE ESTUDOS SOBRE O BRASIL E O SISTEMA MUNDIAL

Paulo Arantes. O Novo Tempo do Mundo: e outros estudos sobre a Era da Emergência. (2014). Capítulos 1 e 2.

Mariana Paulino. Qualificação de mestrado. (2018).

David Harvey. Condição Pós-Moderna. (1989). Partes 3 e 4.

David Harvey. Condição Pós-Moderna. (1989). Partes 1 e 2.

Fernando Antonio Novais e Regério Forastieri da Silva. Nova História em Perspectiva. (2011), Introdução.

Rafael Marquese e Waldomiro Lourenço da Silva Jr.. Braudel, Koselleck e o problema da escravidão moderna. (2018). Rafael Marquese. A História Global da Escravidão Atlântica: balanço e perspectiva. (2018).

Reinhart Koselleck. Estratos do Tempo: estudos sobre História. parte I e capítulos 1,2 e 3 da parte IV.

Reinhart Koselleck "Futuro Passado: contribuição à semântica dos tempos históricos. (Parte II)

Fernand Braudel. História e ciências sociais: a longa duração. (1958)

Discussão do texto de João Paulo Pimenta e Rafael Fanni "Revolução no Brasil, séculos XVIII a XXI: a história de um conceito, um conceito na história".

Texto complementar de Javier Fernández Sebastián (Universidad del País Vasco - UPV/EHU) e Luis Fernández Torres (Universidad del País Vasco - UPV/EHU) "IBERCONCEPTOS: UN PROYECTO DE INVESTIGACIÓN EN RED. CUESTIONES TEÓRICO-METODOLÓGICAS Y ORGANIZATIVAS" 21/02/2018.

2017

Discussão do texto de qualificação de Sheila Virginia Castro "Representações da Independência na literatura brasileira, séculos XIX-XXI" - 13/12/2017.

Discussão do texto de qualificação de Luís Otávio Vieira "Origens da Imprensa no Brasil: Estudo Prosopográfico dos Redatores de Periódicos editados entre 1808 e 1831" - 24/10/2017.

Discussão do texto de Fabio Augusto Morales e Uiran Gebara da Silva "História Antiga e História Global" - 27/09/2017.

Discussão do texto de Tâmis Parron "Imperialismo britânico e a crise da escravidão nas Américas, 1842-1854" - 28/08/2017.

Discussão dos textos de Marco Aurélio dos Santos "Migrações e trabalho sob contrato no século XIX" e "Chineses no Vale do Paraiba Cafeeiro: Bananal, século XIX" - 14/06/2017.

Seminário realizado no dia 24/05, às 18h30. Leitura do texto The Perception of the B.razilian Public Opinion on John F. Kennedy and the Alliance for Progress in Cold War Brazil (1961-1963) do o Prof. Dr. Felipe Loureiro (IRI-USP), que também estará presente na reunião.

Discussão do texto de qualificação O vale do Paraíba Cafeeiro e a Lei do Ventre Livre, 1865-1871 de Bruno Fonseca - 12/04/2017

Reinhart Koselleck. Estratos do Tempo: estudos sobre História. parte I e capítulos 1,2 e 3 da parte IV.

2015

Discussão do texto Os periódicos da Independência e suas geografias políticas: estudo do surgimento do Brasil independente e de sua inserção no contexto mundial (1808-1822), de Edú Trota Levati – 23/09/2015

Seminário com presença do profº Luiz Felipe de Alencastro – 27/08/2015

Seminário de discussão do livro O Longo Século XX, de Giovanni Arrighi (29/04, 27/05 e 12/08/2015).

Seminário de discussão do livro O Sistema Mundial Moderno, de Immanuel Wallerstein. (Vol. I: 24/10 e 19/12/2013, Vol. II: 20/02, 03/04 e 08/05/2014, Vol. III:18/06, 14/08 e 25/09/2014, Vol. IV: 11/12/2014 e 25/03/2015)