Revoluções e Independências Americanas

 

Seminários Internos

 

Este núcleo de pesquisa propõe estudar as principais linhas interpretativas sobre as revoluções e independências americanas. Pretende-se discutir trabalhos que possam corroborar com uma visão integrada dos processos de crise dos sistemas atlânticos (ibérico e do noroeste europeu) e de formação dos novos Estados Nacionais. Entende-se que entre fins do século XVIII e meados do século XIX, o mundo euroamericano se constituiu num dinâmico laboratório de experiências políticas intercambiáveis e de determinações recíprocas. Portanto, torna-se um dos objetivos do núcleo rastrear certos padrões de eventos com capacidade de transcender seus campos imediatos de ação e alimentar cadeias de acontecimentos dinâmicos em outros espaços desse amplo cenário de convulsões políticas e sociais. Para atingir tal objetivo, o núcleo pretende ainda abordar temas específicos, tais como: a formação dos espaços públicos de opinião; a imprensa; as revoluções e a suas implicações na geografia política e territorial; as tradições intelectuais, os vocabulários políticos e os conceitos; a literatura; as biografias; as análises de trajetórias individuais e de grupos, bem como as abrangências sociais dos partícipes nos movimentos de emancipação política; as instituições e os novos aparatos estatais de afirmação da nova ordem política e social pós-independência.

Contatos:

Rafael Fanni: rafaelfanni@gmail.com